02 fevereiro 2016

Comparando (meus) iluminadores da M.A.C


Vamos falar de um dos melhores itens do mundo da maquiagem? Bom, pelo menos pra mim, o iluminador é um item que não pode faltar naquela pele bem construída e perfeita que uma produção mais elaborada pede. Pode vir em pó, líquido, creme ou bastão, ele sempre será o elemento de luxo do nécessaire.

Hoje eu trouxe um comparativo dos quatro amores que tenho na maleta. Todos da M.A.C, marca que tem aquele custo benefício maravilhoso e uma proposta única de se adequar a todos os tipos de pele.
No fim do post, mostro uma sombra iluminadora maravilhosa (AND nacional) para você que assim como eu, ama uma make cara de ryca, hahaha.

Bora lá?

Eu sempre quis ter um iluminador da linha Mineralize, em especial, o Soft And Gentle (queridinho de MUITA gente). Como toda boa iniciante no mundo da maquiagem, pesquisei muito e nessas pesquisas (oi 2Beauty e Temptalia ) me apaixonei pelo Belightful, iluminador em pó compacto da marca. Ele tem um tom champanhe puxado para o bronze, meio cor de pele, sabe? Lindo e discreto. Discreto até demais! Mas iluminador é muito de ocasião e esse se encaixa perfeitamente na categoria de maquiagem para o dia-a-dia. Não de todo dia, mas de um dia mais especial. Deu para entender? Rs. Olha que bonito:



Agora eis aqui o mais bem falado iluminador da M.A.C, o Soft And Gentle. Se você é viciada em make, com certeza tem ou já pensou em adquirir essa belezinha. E o queridinho faz jus a fama, ele é incrível! E apesar de ter sido desejado durante anos pela minha pessoa, é item novo por aqui. Não me decepcionou, viu? As fotos falam por si. O bichinho é poderoso! Foge um pouco do tom de pele do Belightful e tem um fundo mais branquinho, mais glamouroso.


Outro queridíssimo da M.A.C é o pigmento Vanilla, que apesar de não ser um produto totalmente voltado para a pele, cumpre maravilhosamente bem sua função de iluminador. A riqueza em potinho pode ser utilizada do jeito que o freguês preferir, tendo como seu principal uso, o de sombra. Apesar de ser comumente utilizado nos olhos (com certeza você, apaixonada por maquiagem, já viu algum tutorial em que este pigmento era aplicado no cantinho da lágrima, fica incrível), o Vanilla vai bem em todo canto, nas maçãs do rosto ele cai perfeitamente. Olha só o swatch!


Confesso que não morri de amores quando passei o dedo no Gold Deposit. O comprei pensando em construir uma pele mais verão, bem editorial de revista. Não rolou. O Gold Deposit é muito “gold” para mim, editorial de revista (de carnaval) mesmo. Ele é lindo e cumpre seu papel, ilumina mesmo. Mas o bichinho é laranja demais, não bateu com meu tom pele, não deu. Continuo na luta para encontrar o jeito perfeito de usar ele. Não vou desistir!


Comparando os quatro iluminadores (veredicto final):


1. Vanilla – Pigmento puro! Quando usado na quantidade certa de devidamente esfumado, fica perfeito!
2. Soft And Gentle – Meu preferido (jura? Haha), para errar na mão tem que abusar meeesmo. É maravilhoso em qualquer ocasião.
3. Belightful – Sua pele só que mais viçosa e saudável. Ideal para o dia-a-dia.
4. Gold Deposit – Não é para todas. Tem que ter um bronzeado já em dia (ou ser negra/morena) para usar esse aqui, caso contrário, fica super artificial.

E para finalizar o post, uma dica de sombra maravilhosa tanto para o cantinho interno do olho quanto para o arco da sobrancelha. Ilumina tudo e é muito amor! A sombra é a Beige Diva da Eudora. Perfeita!



É isso, gente! Espero que o post de hoje tenha sido útil e venha ajudar alguém de alguma forma, tanto quanto muitos posts por aí me ajudaram a encontrar meu iluminador favorito (até agora, rs).

Um beijo grande e até o próximo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário